Entregas e montagens gratuitas para encomendas a partir de 50.000Kz em Luanda e de Belas ao Cacuaco. Os prazos de entrega poderão ser até 8 dias úteis.

Como comprar um bom colchão

Na hora de escolher o colchão pondere as diferentes opções e peça ajuda a um funcionário de loja. É que o colchão certo pode contribuir para uma boa ou uma má noite de sono.


Dormir deveria ocupar um terço do nosso dia, o que desde logo demonstra a importância que tem na nossa vida. É quando dormimos que várias funções importantes para o corpo acontecem. A ativação da memória, o aumento da função renal e a regeneração de vários tecidos do corpo são algumas delas. Na verdade, o sistema imunitário trabalha melhor quando não está com falta de horas de sono (é durante o sono que o crescimento e a reparação acontecem). Há mesmo estudos que mostram uma relação entre a falta de sono e um aumento de casos de obesidade, diabetes e ataques cardíacos.

OPÇÕES DE COLCHÃO

ESPUMA

A elasticidade, densidade e firmeza do colchão dependem da densidade da espuma e do ar injetado nas suas células, em poliuretano ou poliéster. Tem um bom isolamento térmico, o que é uma mais-valia no inverno, mas não no verão. Adaptam-se tanto a estrados de madeira perfurada e de ripas (mais rígidos) como de molas (mais suaves).

MOLAS:

Existe a possibilidade de as molas se partirem ou perderem elasticidade, provocando deformações do colchão. É inevitável alguma perda de altura com o uso, no entanto têm melhor ventilação do que os de espuma e os de látex, pelo que são mais adequados para quem transpira muito.

LATEX:

Compostos por um núcleo de borracha natural ou sintética, são geralmente os mais caros. O látex é perfurado para assegurar uma boa ventilação e regular a firmeza Adaptam-se ao corpo, têm uma boa ventilação e isolamento correto. São um pouco difíceis de deslocar e quentes no verão. Adequam-se quer a estrados de madeira, quer de molas.

FIRMEZA DO COLCHÃO

A firmeza é uma questão de gosto. No entanto, é aconselhável avaliar isso de acordo com o seu peso. Mas não exagere porque ao optar por um colchão muito rígido, o corpo não entrará totalmente em contacto com ele. O contrário também se passa. Caso o colchão seja demasiado macio, há tendência para o corpo se afundar, aumentando a sensação de calor devido à má ventilação. Importante é que o seu colchão sustente corretamente o corpo, permitindo recuperar durante a noite.
 

CASAIS

Se houver uma diferença significativa de peso em relação à sua cara metade, opte por um sistema de duas bases e colchões individuais. Assim, o desnível que ocorre com um só colchão pode ser evitado e o conforto é maior.
 

DURAÇÃO

Ao fim de 8 a 10 anos, o colchão deverá ser substituído devido à perda de firmeza e , sobretudo, de altura. Mas, com alguns cuidados pode durar mais. Areje a cama diariamente e vire regularmente o colchão - de cima para baixo e da cabeceira para os pés - para não criar zonas de deformação permanente.

FALE COM UM COLABORADOR KINDA

Fale com um colaborador Kinda da área dos colchões. Explique se tem uma dor específica, se acorda com calor e se tem alergias. O colaborador poderá aconselhá-lo de acordo com as suas necessidades, apresentando-lhe as diferentes opções, vantagens e desvantagens.
 

O QUE FAZER COM O COLCHÃO VELHO?

Pode doar o colchão a uma instituição ou, caso não esteja em condições, contactar o serviço municipal de recolha de monos domésticos.


O QUE PODE FAZER PARA MELHORAR A QUALIDADE DO SONO

 

Depois de garantir que tem um colchão em condições, a Clínica do Sono sugere que, mantenha um horário regular de sono (deitar e levantar), mesmo ao fim de semana e que pratique exercício físico de forma regular e não antes de deitar. Evite o ruído à sua volta e mantenha a temperatura do quarto agradável e a ventilação suficiente, mas não excessiva. Não se deite logo após o jantar, especialmente se a refeição for “pesada”. As refeições ligeiras ao fim do dia favorecem o sono. Se ressonar durante a noite durma com uma almofada alta, adoptando uma posição lateral na cama. Não se deite também com a sensação de nariz obstruído. Durma o tempo suficiente, mas não demais. Se dormir mal uma noite, não desespere. Na noite seguinte deite-se à hora normal e dedique-se a fazer algo que o entretenha até o sono vir.



 

 

0
0